Como fazer conteúdo de qualidade

Proliferam a cada dia e há cerca de um ano, os tweets em nossas timelines, que falam de como obter X em um número X de passos.

Além de opiniões e de fãs e detratores deste sistema, demonstrou não ser um mal abordagem, a julgar pela quantidade de tempo que permaneceram intactos a nossa vista, por todas as partes.

Fazer um blog não é uma tarefa simples, é complexa, a quantidade de passos que leva, e os esforços que requer.

Que não é um blog:

Já falamos sobre os melhores blogs de conteúdos , de exemplos de conteúdos que vão te deixar com a boca aberta, até mesmo do checklist definitivo para colocar à prova seus conteúdos.

Saiba Mais:  Por que usar o WordPress? 10 razões que se convencê-lo

Hoje vamos fazê-lo com a qualidade. O que é a qualidade? A qualidade é um conceito relativo, ‘Propriedade ou conjunto de propriedades inerentes a algo, que permitem julgar o seu valor’, segundo a RAE, e esta propriedade ou propriedades devem ser definidas a priori, em todos os casos, para não perder o norte, sobretudo quando escrevemos o conteúdo em um blog, o que fazem outros blogueiros, mas também é imprescindível quando é um só, e o que escreve.

Como fazer conteúdo de qualidade

  1. Pré-análise. É importante saber (com todo o luxo de detalhes) quem te lê e o que busca o/quer ler, portanto, como saber (com certeza) quem é você e o que você pode contar, assim como quais são todos os seus limites. Esta informação é crucial e deve ser o ponto de partida sempre.
  2. Ajuda, soluciona problemas, economizando tempo. Todos, quando procuramos por nosso próprio pé algo buscamos isso. E se chega a nós “só”, para que lhe ouvidos, um dos bens mais preciosos que temos, e às vezes em perigo de extinção, deve ser feito com ela, e isso nem sempre é tarefa fácil. Temos que obtê-lo, e para isso, há que trabalhar nisso.
  3. Escolher temas em coerência com um plano de conteúdo. Escolher e definir frequências e outras questões, a priori, mas certifique-se de que, em todos os casos, sejam susceptíveis de ser alteradas no caso de que a realidade assim o requeira.
  4. Calendário editorial. É importante tê-lo e não perdê-lo de vista.
  5. Remítete o que você sabe. Se você não sabe de algo, se nota. Sempre. Não saber não significa renunciar a fazê-lo: se você não sabe, basta aprender primeiro, ser documentados.
  6. Juégatela ao título e no primeiro parágrafo. Como no jornalismo, aí vai toda a primeira impressão de seu texto e o leitor. Ou enganchas ou vai perder.
  7. Encontre um porquê e não se esqueça de por que você começou a escrever. Como se tem que deixar miguitas de pão. Leia o post (em voz alta e para outros também) as vezes que for necessário para se certificar de que não se perdeu pelo caminho.
  8. Mójate, estar envolvido. Tratar um tema em um blog no frio, como se fosse uma notícia, intocável e desde a mais absoluta objetividade, nem sempre é uma boa idéia. Em certos casos é e deve ser feito deste modo.
  9. SEO sim, mas com cabeça. Não é possível fazer um conteúdo de qualidade, se escrevemos ao serviço de SEO, eu explico, o objetivo não deve ser SEO exclusiva.
  10. Dispõe de comprimidos, soma, contagia e contágiate. O “ficar na sua memória, não sei como nem sei com que pretexto, mas ficar-vos”, de Mario Benedetti. Truques, dicas, seja exatamente isso que você não espera, ou que, sim, se espera, mas que faz com que salte da faísca, a fim de que de que já não tenha forma, fisgá-lo por dentro de alguém é o princípio do engagament. E a volta costuma ser difícil.
Saiba Mais:  10 dicas para realizar com sucesso no Facebook

Exemplos de bons conteúdos em português

  1. Yorokobu
  2. GQ
  3. JotDown
  4. A Criatura Criativa
  5. Blog das coisas molonas
  6. Recetin
  7. Videoblog Valentí Sanjuan

E com estes exemplos termino um post que não pretende ser um guia com fórmulas infalíveis e eternas, mas sim de princípios, que, no tempo que elas duram mais, como bem apontava Bernbach. Qualquer outro princípio que se te ocorra, discuti-lo, a lista está aberta :)

Artigos relacionados

Conteúdo que funciona no Instagram

O que são cookies?

O que são as buyer personas?

Qual software de Inbound Marketing usar?

O que é uma thank you page?

O que é uma Newsletter e para que serve?

O que é uma landing page?

O que é um infográfico?

O que é uma campanha drip?

O que é o Blockchain? Como aproveitá-lo em Marketing Digital?

O que é o A/B Testing?

As melhores galerias para buscar inspiração para o seu próximo projeto

as marcas como novas religiões

As Buyer Pessoas em sua estratégia de Marketing

A estrutura ideal de um post e tipos de posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.