Por que você precisa de thank you pages em seu processo de conversão?

Lembras-te, em que consiste o processo de conversão? Tudo parte de um conteúdo criado para satisfazer as necessidades de nossos usuários. Conteúdo que apresentamos em uma landing page, onde se detalha a oferta e a deixa bem claro o benefício que você vai conseguir.

A esta landing page se acede através de call to actions ou chamadas para a ação. Estes são botões ou imagens que remetem para a oferta de diferentes conteúdos relacionados.

Passos no processo de conversão

Um usuário interessado na oferta completará o formulário correspondente para recebê-la. Será então quando se deparar com uma página de graças (thank you page).

Resultado: conseguimos converter um usuário em um lead, do que temos informação suficiente para poder interagir com ele.

Então, uma thank you page… você é a página onde agradecemos ao usuário por deixar-nos os seus dados e oferecemos-lhe o link de download do ebook oferecido? E se não há ebook? E se temos vindo a página de graças depois de ter apontado para um curso? Você simplesmente damos-lhe as graças?

Uma thank you page é isso e muito mais. Nos dá uma informação muito valiosa. Por um lado, nos confirma que o usuário está realmente interessado em uma oferta. E, por outro lado, nos dá a possibilidade de oferecer-lhe conteúdo relacionado. Além disso, o fazemos de forma imediata, justo no momento em que sabemos que precisa cobrir uma necessidade.

Sabendo disso, o conteúdo que devemos incluir na página de graças?

Há uma série de elementos que consideramos necessários para que façam parte de uma thank you page.

Elementos em uma thank you page

1. Navegação

Um menu que permita ao usuário voltar ao nosso site e conhecer um outro tipo de conteúdos.

O mais provável é que um usuário que se faça o download do nosso conteúdo, nos encontre. Mas pode dar-se o caso de que seu primeiro contato com a gente tenha ocorrido na landing page. Pensemos, por exemplo, um link para a landing que é publicado no Twitter por outro usuário que tenha querido compartilhá-la.

O menu de navegação ajuda-nos para que o nosso novo lead siga com a gente.

2. Oferta

O elemento essencial que não pode faltar em uma página de obrigado. O usuário recebe a oferta prometida na landing page.

Em troca de deixar-nos os seus dados, recebe a oferta esperada. Oferta que pode ser um ebook, um código de desconto para sua próxima compra, a confirmação de suporte ao curso que estava esperando…

3. Conteúdo relacionado

É uma boa oportunidade para oferecer conteúdo relacionado que possa ampliar seus conhecimentos.

Além disso, como já disse antes, o fazemos de forma imediata, no momento em que temos a certeza de que está interessado em um conteúdo concreto. Com isso, começamos com o pé direito nossa estratégia de lead nurturing. Conseguimos que o usuário continue cobrindo as suas necessidades, continuando o seu relacionamento conosco.

4. Outro CTA

Relacionado com o ponto anterior, também podemos usar a página de obrigado para apresentá-lo outra oferta relacionada. Com o claro objetivo de que o usuário continue seu processo dentro do ciclo de compra ou buyer journey.

Se não para consumi-las no momento, sim, para que tome conhecimento delas e possa desfrutar quando estiver pronto para continuar a expandir seus conhecimentos sobre o tema.

Devemos aproveitar as possibilidades que nos oferecem as thank you pages. Nos dão informações que podemos usar para ajudar os nossos usuários a continuar o seu processo no ciclo de compra. Podem chegar a se tornar o primeiro passo para chegar a converter um lead no cliente.

Artigos relacionados:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on tumblr
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on tumblr