A estrutura ideal de um post e tipos de posts

Na hora de sentar e escrever um post, em primeiro lugar, temos muito presente na estrutura e tipo de post que queremos. Agora, sabemos que a estrutura deve ter e quais tipos de posts tem? Para evitar cair na rotina, eu conto alguns dos tipos de posts que há para além da estrutura que deve seguir um post.

Que estrutura deve ter um post

  1. Titular. É e deve ser o primeiro gancho do seu post, é como uma primeira impressão, é a primeira coisa que vemos, deve ser muito bem pensado, e ser criativo, capaz de chamar a atenção para o par que corresponder às expectativas.
  2. Um extrato ou resumo de uma linha aprox. Aqui temos o segundo (e mais importante) gancho. Deve ser muito atraente e gerar a sensação de vontade de continuar lendo ou sim.
  3. Teaser. Continuamos aumentando a expectativa e dirigindo o olhar e a vontade para o que vem em seguida.
  4. Introdução. Aqui começa tudo o que queremos dizer: ‘O problema’, o apresentamos de forma breve e concisa.
  5. Corpo do texto. A história deve ser bem fiada, deve dirigir exatamente onde nós queremos chegar a todo o que se aventurar a ler.
  6. Conclusão e encerramento. Muito importante esta última parte, assentar todo o apresentado até o momento e deixar com bom sabor de boca ao leitor.

Tipos de posts

Saiba Mais:  O que são cookies?

Como escrever um post com o estilo?

  1. Começa por ler aos outros. Muitos e diversos. De seu próprio país, língua, etc., e, em seguida, amplia. Isso ajudará a saber o que gosta e o que você é e o que não gosta e não é, sob nenhum conceito. Assim perfilarás de primeiras seu estilo.
  2. Escreve sempre para alguém. Fazer com que alguém a cabeça sempre vem bem e ajuda a que o resultado seja o ideal. As pessoas, uma vez definidas, vêm muito bem. Quem te lê: Como chegaram até aqui e o que esperam de suas linhas? Dá.
  3. Torne-se seu próprio guia de estilo. Você não tem que escrevê-la (embora não estaria mais), e para isso é ótimo ler (muitas) guias de estilo, de outros.
  4. A mensagem. Ele polonês é fundamental desde a primeira ideia. Decide o que queres dizer e como pintor lugar. O que fazer para escrever um post antes de escrever um post.
  5. Fazer um post é iniciar uma conversa. É escrever como se estivesse falando, tente seguir os mesmos passos. O importante é que, uma vez escrito, ao lê-lo, parece natural, como uma conversa qualquer. E se não é assim, tem que fazer mudanças. Leia-o em voz alta, se precisar.
  6. Faça-o único. Ninguém é igual a ninguém. Nenhuma experiência pessoal ou profissional, é igual à de ninguém, assim, parte do que é possível: o seu conteúdo, de base, é único, faça com que ele seja.
  7. Tire os medos. Você não vai agradar a todo o mundo, assim que posiciónate e não se preocupe com mais nada.
  8. Expresse-se claramente e fazê-lo simples. Os rodeios não levam tão diretamente a nenhum site. É melhor evitá-los. Os trabalho também não ajudam, utiliza expressões e palavras simples.
  9. Quem muito abarca Pouco… aperta, é claro. É melhor entrar em sintonia com os temas a tratar e delimitar. Diversificar é bom enquanto o fazemos com limites. Se formos excessivamente dos limites, corremos o risco de nos perder.
  10. Cuidado com os desvios. Não é uma boa idéia-nos em excesso do nosso caminho para transmitir uma série de ideias, o melhor a fazer é respeitá-lo. Sem grandes alterações de última hora.
  11. Não abuses de siglas ou palavras grampeadas. O caminho curto nunca é uma boa idéia. É melhor que se certifique de que se entenda, ou tomar o caminho mais longo (e mais seguro). Deixar este ponto, o acaso não é uma opção.
  12. Títulos e subtítulos. Se você ganhar um leitor, você ganha o título, se não, você terá perdido para sempre. As legendas são tão imprescindíveis e com um papel-chave no seu post. Fazem falta para manter um fio que leve logo para onde você quiser. Sobre o título, há uma regra para o meu clara: eu nunca coloquei antes de escrever, ou coloco um temporal. Matizo cada um dos detalhes, no final, o título incluído. Este truque vem muito bem, porque uma vez que se decidiu a escrever e tem um tema, você coloca e, muito provavelmente, a sua ideia de partida mute no processo.
  13. Os h1 para o título. Legendas em diante, h2, h3, etc.
  14. Negrito, cursiva e outras questões de formato. Ajuda nunca é demais para que, na hora de fazer um percurso exaustivo o post, nos seja mais fácil e agradável.
  15. Rupturas. Em uma conversa de uma boa gestão dos silêncios é quase tão importante como a da palavra. Em um post, os brancos são tão importantes quanto as palavras. Faça bom uso dos parágrafos. Não se entende como um rolo infernal fato bloco de texto indigesto que um texto bem estruturado por parágrafos. O seu é que o resultado, a grandes traços, inclua grandes espaços em branco
  16. Citações, frases importantes e/ou impactantes. Para inserir frases, pode ajudar na organização do conteúdo que você oferece e dar forma à sua mensagem. Evítalas se não o fizerem.
  17. Poupa tempo aos seus leitores. Se o post é possível ver de uma olhada breve, está bem estruturado e se, pelo contrário, leva o seu tempo para compreendê-lo do início ao fim, talvez você possa melhorar.
  18. Evita o acessório. Tudo o que for ruído não nos serve para nada. A economia da palavra é infinitamente melhor do que o escrever pensando em o contador de palavras ou caracteres no processador de texto que estamos a utilizar. Se você fizer isso, a qualidade não é que passe a segundo plano, passa a saber que tu plano.
  19. As listas funcionam legal. E não é segredo para ninguém. Listar organiza o conteúdo e isso acontece exatamente o mesmo com uma mensagem contado de forma oral. Ele é transmitido e chega melhor.
  20. Praticidade. Procure o que for útil para a pessoa ou as pessoas para as quais escreve.
  21. Imagens. Porque o escrever posts com estilo abrange também a arte de saber escolher as imagens que você vai ilustrarlos (nem todo mundo tem esse dom natural, mas a boa notícia é que você pode treinar, ou podes sempre “associar” com alguém que tenha e aconselhá-lo, claro).
  22. O fio e a consistência. Escreve sempre em prol de seguir um fio e a consistência de sua história. Por exemplo, você não pode estar seguindo um fio, nem esperar que continue a ninguém se você não abre com uma introdução e que termine com uma conclusão. Estes dois passos, os faça como os faça e seja o post do tipo que seja, você deve dar-lhes.
  23. Revisa e edita. Este ponto, por último, não menos importante, nem pela dica. Examina cada mensagem e se perguntar se não há uma maneira melhor de dizer. Se houver, faça isso. Para mim é mais fácil escrever tudo o que tenho na cabeça e dar forma a posteriori. Você deve encontrar a fórmula que lhe seja mais confortável para você, pessoalmente.
Saiba Mais:  O que é feed do Instagram?

Para concluir, dizer que o mais importante de um post, tenha o aspecto que tiver, e fale o que fale é que fale o mesmo idioma que aquele que o lê. É a única fórmula de se conectar de verdade com ele.

Artigos relacionados

Conteúdo que funciona no Instagram

O que são cookies?

O que são as buyer personas?

Qual software de Inbound Marketing usar?

O que é uma thank you page?

O que é uma Newsletter e para que serve?

O que é uma landing page?

O que é um infográfico?

O que é uma campanha drip?

O que é o Blockchain? Como aproveitá-lo em Marketing Digital?

O que é o A/B Testing?

As melhores galerias para buscar inspiração para o seu próximo projeto

as marcas como novas religiões

As Buyer Pessoas em sua estratégia de Marketing

Inspire-se, as melhores sites para evitar um bloqueio criativo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.